afonso9.com :: BLOG Oficial do goleador Afonso Alves ::


Afonso entra, melhora o jogo, mas Brasil deixa escapar a vitória by Villa Nova A.C.
junho 28, 2007, 1:32 pm
Filed under: Copa América, Jogos, Seleção Brasileira

brasilxmexico_f_020.jpgO Brasil perdeu, na madrugada desta quinta-feira, por 2 a 0 frente ao México, um resultado ruim para os comandados de Dunga que fizeram uma exibição modesta no jogo de estréia na Copa América.

O México de Hugo Sanchez, que não fez uma exibição de encher os olhos, abriu o placar aos 23 minutos, com um gol de Castillo. O avançado fez uma bela jogada em cima de Maicon e depois limitou-se a empurrá-la perante a saída de Doni, que ocupou o lugar do até então titular Helton, que assistiu ao jogo do banco.

Cinco minutos depois, Morales fez o 2 a 0 em uma cobrança de falta. Doni, muito hesitante, nem sequer se lançou. Pareceu mal batido…

Ao intervalo, Dunga sacou Elano e Diego. Anderson, ex-jogador do FC Porto, e Afonso entraram em campo e a verdade é que mexeram com o jogo, bem acompanhados por Robinho. O avançado do Heerenveen teve uma boa oportunidade quando acertou a bola de pé direito, sem deixá-la cair no chão, porém o goleiro mexicano fez um milagre em defendê-la. A Seleção Brasileira ainda teve um remate de Robinho no travessão.

lancedeafonso.jpg

No final, o México podia ter feito o 3 a 0, mas Castillo falhou, inacreditavelmente, depois de ter batido Alex na corrida e driblado Doni. No meio caminho entre a marca de penalty e a linha da pequena área, o atacante mexicano atirou pro lado.

O Brasil é último do seu grupo, sem pontos, tal como o Equador. México e Chile lideram com três pontos.

FICHA TÉCNICA
BRASIL 0 x 2 MÉXICO

Local: Estádio Polideportivo Cachamay, em Puerto Ordaz (Venezuela)
Data: 27 de junho de 2007, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Sergio Pezzota (Argentina)
Cartões amarelos: Alex, Afonso e Daniel Alves (Brasil); Castillo (México)

GOLS: Castillo, aos 23, e Morales, aos 29 minutos do primeiro tempo

BRASIL: Doni; Maicon (Daniel Alves), Alex, Juan e Gilberto; Gilberto Silva, Mineiro, Elano (Anderson) e Diego (Afonso); Robinho e Vágner Love
Técnico: Dunga

MÉXICO: Ochoa; I. Castro (J. Castro), Magallón, Márquez e Pinto; Morales (Lozano), Torrado, Arce e Correa; Castillo e Cacho (Bravo)
Técnico: Hugo Sánchez

Anúncios


Brasil estréia hoje na Copa América by Villa Nova A.C.
junho 27, 2007, 12:31 pm
Filed under: Copa América, Seleção Brasileira

Copa América 2007 | 1ª rodada
Estádio:
Polideportivo Cachamay
Data e hora: 27/06/2007 às 21:30
Árbitro: Sergio Pezzotto (Argentina)
Transmissão: Rede Globo

afonsonoaviao.jpg

Afonso concentrado para estréia da seleção no vôo para Puerto Ordaz.

Equipe vai buscar o bicampeonato da Copa América. Primeiro jogo será nesta quarta

A Seleção Brasileira se concentrou durante cinco dias na cidade de Puerto La Cruz, na Venezuela, antes de seguir para Puerto Ordaz, onde estréia na Copa América, nesta quarta-feira, contra o México.

O jogo desta quarta-feira será às 21h50m (horário de Brasília) e equipe comandada pelo ex-capitão do Brasil Dunga jogará no Estádio Polideportivo Cachamay, em Puerto Ordaz, na Venezuela.

Depois de 11 amistosos, o técnico entra em sua primeira competição oficial disposto a mostrar que pode fazer um trabalho à frente do time verde-amarelo.

Nos jogos em que comandou a seleção brasileira, Dunga conquistou sete vitórias, três empates e apenas uma derrota para Portugal, que tem Felipão como treinador. A estréia da seleção em busca do bicampeonato terá transmissão ao vivo da Rede Globo a partir das 21h30m (de Brasília).

Afonso poderá estrear pela Seleção Brasileira numa competição oficial. O jogador fez dois jogos com a camisa amarela e pretende assumir de vez a número 9.

Após o jogo a delegação brasileira volta para Puerto La Cruz.



Notícias: Globo Esporte.Com by Villa Nova A.C.
junho 26, 2007, 4:27 pm
Filed under: Copa América, Seleção Brasileira

Afonso se inspira em Adriano, o Imperador, como exemplo para a Copa América deste ano

Adilson Barros e Márcio Iannacca

Adriano atuando na Copa América em 2004

adrianoca2004.jpgEm 2004, também com uma seleção sem estrelas, o Brasil conquistou a Copa América e teve como destaque o atacante Adriano, artilheiro do time, na época comandado por Carlos Alberto Parreira, com cinco gols. Agora, em 2007, novamente sem os seus principais jogadores, a seleção brasileira chega ao torneio continental com atletas menos badalados. Afonso Alves, do Herenveen, da Holanda, é um deles. E ele, como matador nato, sabe o exemplo que deve seguir.

Claro que o Adriano é um ótimo exemplo a ser seguido. Todos querem ser titulares da seleção e comigo não é diferente. É preciso manter a humildade, como o Adriano fez, e quem sabe entrando nos jogos eu não consiga a vaga de titular – diz o atacante.

Depois da Copa América, Afonso pode deixar o Herenveen, da Holanda, para atuar no Benfica, de Portugal. O jogador prefere se manter distante das especulações e só pensa em fazer uma grande Copa América para se firmar na seleção brasileira.

Não é o momento de pensar nisso. Quero estar concentrado para atuar pela seleção. Quando o Dunga der uma oportunidade, tenho que aproveitar e estar bem preparado – diz o atacante.



Afonso já trabalha na Venezuela by Villa Nova A.C.
junho 22, 2007, 5:39 pm
Filed under: Copa América, Seleção Brasileira, Treinamento

Seleção trabalha velocidade em jogadas ofensivas no treino em Puerto La Cruz e Dunga fica satisfeito com ritmo intenso de treinamento

Fonte: CBF NEWS

A Seleção Brasileira treinou nesta quinta-feira pela primeira vez em Puerto La Cruz. No campo anexo ao Estádio Luiz Ramos, local do terceiro jogo contra o Equador, o técnico Dunga e o assistente Jorginho comandaram uma hora de treinos em que foi exercitada a velocidade em lances ofensivos.

No treino participam todos os jogadores, cada um exercendo a sua função. A movimentação começava com troca de passes entre os jogadores de meio-campo, em que a bola chegava às  laterais do campo e daí partiam os cruzamentos para dentro da área, para o aproveitamento dos atacantes e a interceptação dos zagueiros.

treino_vez.jpg


Dunga explicou que esse tipo de treinamento surgiu de observações feitas por ele e Jorginho dos  métodos  de trabalho de outros treinadores, da experiência deles como jogador e das adaptações que os dois fizeram aos exercícios.

Antes do treino técnico, os preparadores Paulo Paixão e Fábio Mahseredjian comandaram um treino físico em que os jogadores também foram exigidos em exercícios de velocidade, preparatório para o treino técnico que viria a seguir.

treino_vez1.jpg



Afonso comemora gol marcado em coletivo pela seleção by Villa Nova A.C.
junho 21, 2007, 5:25 pm
Filed under: Copa América, Seleção Brasileira

por Evandro César Lopes – UOL

afonsocapa.jpgO atacante Afonso Alves, comemorou o fato de ter marcado o único gol dos titulares no coletivo desta quarta-feira. Afonso substituiu Vágner Love no segundo tempo da atividade.

Na sua visão, ter marcado no coletivo foi uma parte fundamental para alguém que quer ter mais chances na seleção. “O gol foi bom. Apesar de não marcar faz um bom tempo, não considero que estava ansioso. O importante para um atacante é se manter concentrado nessas horas“, afirmou o jogador, que marcou pela última vez em partidas oficiais na vitória do seu time, o Heerenveen, sobre o Feyenoord pelo Campeonato Holandês.

Dunga tem testado Vágner Love como companheiro de Robinho no ataque da seleção. Mas isso não intimida Afonso, que briga por uma vaga entre os titulares da equipe brasileira.

Tenho qualidade e espero mostra isso cada vez mais. Porém, também sei do valor de cada um dos outros concorrentes“, disse o atleta, para depois recorrer a uma frase feita para explicar a disputa por uma vaga no ataque. “Não importa quem esteja em campo. O importante é todos estarem prontos pra jogar“.

Apesar de estar disputando a primeira competição com a camisa da seleção brasileira, Afonso já se diz adaptado ao clima e a pressão de fazer parte deste grupo.

Apesar de ser a primeira vez, já conhecia muitos dos que estão aqui. Joguei com o Gilberto Silva no Atlético-MG, contra o Alex na Holanda e contra o Maicon quando ele era do Cruzeiro“, justificou.



Jogadores assistem a Grêmio x Boca Juniors na sala VIP do Aeroporto by Villa Nova A.C.
junho 21, 2007, 11:48 am
Filed under: Copa América, Seleção Brasileira, Treinamento

Fonte: CBF NEWS

Enquanto aguardavam o embarque para Puerto La Cruz, na Venezuela, Afonso e alguns jogadores assistiram pela TV, na sala VIP da TAM, ao jogo entre Grêmio e Boca Juniors, decisivo da Copa Libertadores da América.

esperaaeroporto.jpg

Depois de cinco horas e meia de vôo, desde o Rio de Janeiro, o vôo fretado com a delegação da Seleção Brasileira chegou às 6 horas (7 horas de Brasília) ao Aeroporto de Barcelona, no Estado de Anzoátegui, na Venezuela, o cenário da Copa América 2007.

Da pista do aeroporto, o ônibus oficial da Copa América destinado à delegação brasileira seguiu para Puerto La Cruz, onde está hospedada no Grande Hotel Puerto La Cruz.

Mesmo sendo na primeira hora da manhã, no trajeto muitas pessoas já estavam à espera da passagem do ônibus, para saudar os jogadores.

Assim que chegaram ao hotel foi servido um lanche no andar reservado para a Seleção Brasileira. Em seguida, todos foram para seus apartamentos descansar. Haverá treino à tarde.



Afonso é o destaque do coletivo da Seleção by Villa Nova A.C.
junho 20, 2007, 4:08 pm
Filed under: Copa América, Seleção Brasileira, Treinamento, Vídeos

goltreino.jpg

Dunga fica satisfeito com a movimentação da Seleção Brasileira no coletivo e Afonso marca o gol no treino

Márcio Iannacca do GLOBOESPORTE.COM

O técnico Dunga comandou o primeiro coletivo com duração de uma hora nesta quarta-feira, na Granja Comary, em Teresópolis, região serrana do Rio de Janeiro. Afonso foi o destaque ao marcar o gol da vitória dos titulares por 1 a 0. O jogador entrou na equipe principal no segundo tempo.

Dunga iniciou a atividade com o time considerado titular, apenas deixando o goleiro Helton entre os reservas e Doni na equipe principal. A equipe começou a atividade com a seguinte formação: Doni, Maicon, Juan, Alex e Gilberto; Mineiro, Gilberto Silva, Elano e Diego; Robinho e Vágner Love. A primeira parte do coletivo teve 38 minutos.

No primeiro tempo, o time titular deu seis chutes a gol. Robinho arriscou três vezes de fora da área, Alex duas, e Vágner Love, em impedimento, ainda desperdiçou uma chance.

Na etapa final, com duração de 22 minutos, Dunga fez várias alterações na equipe. Elano, Robinho e Diego deixaram o treinamento e deram vaga para Fernando, Anderson e Afonso. Vágner Love passou para o time reserva e Fred se transformou em titular. Aos 16, Afonso, de cabeça, após belo passe de Gilberto fez o único gol da atividade.

Na etapa final, outros cinco chutes dos titulares. Além do gol, Afonso deu um outro chute periogoso. Elano arriscou duas vezes e Fred uma.

treinofisico11.jpg  treinofisico12.jpg